Por Lu Valim, em 26 de março de 2013 – Dicas Ideais.
Adoçando a vida com bom senso!

Olá!! Hoje vamos falar de algo que normalmente consumimos diariamente?

Sabemos que o açúcar, além de causar dependência por aumentar a produção de hormônios que causam a sensação de bem estar, acelera, e muito, o envelhecimento. Vou me limitar a este último item, afinal, combatê-lo é a proposta do Curvas Ideais!

Existe um processo natural do corpo chamado glicação, que ocorre quando há um encontro entre açúcar e proteína, isso deixa as células elásticas e flexíveis. Com células assim vocês já devem imaginar que a pele fica flácida, ocorrendo o envelhecimento. Olhem só: o açúcar potencializa essa ação, a pele perde o viço e aparecem manchas. Como a glicação tem efeito cumulativo, depois de muito tempo de consumo contínuo de açúcar as consequências para a pele serão para a vida toda.

Como não existem estudos suficientes para estabelecer a quantidade de açúcar que é capaz de piorar o processo, eu, particularmente, como medida de prevenção estou diminuindo a quantidade de açúcar. Praticamente eliminei refrigerantes e sucos adoçados e estou restringindo drasticamente alimentos industrializados. Reservo os doces para ocasiões especiais, como fins de semana, ou troco o açúcar refinado por versões mais saudáveis. São algumas alternativas!

Vejam agora as opções menos prejudiciais para o nosso corpo:

Açúcar Orgânico – Não tem o agente químico usado no processo de refinação. São cultivados sem fertilizantes e seu poder adoçante é similar ao açúcar branco.

Açúcar Mascavo – Também não passa pelo processo de refinação, mantendo assim os nutrientes como cálcio, magnésio e potássio.

Mel – Além de ser menos calórico que o açúcar e mais saudável, é rico em nutrientes e fortalece nosso sistema imunológico.

Estévia – Adoçante derivado de planta, portanto natural, tem poder diurético e auxilia na regulação da pressão arterial.

Alfarroba – É menos conhecido, tem o sabor similar ao cacau. É substituto do chocolate em receitas. Possui açúcares naturais como a sacarose e a frutose.

Quanto ao aspartame, não gosto de usá-lo, por ser sintético e pela alta quantidade de compostos químicos. Além disso, há polêmicas em torno de seu uso devido a seus efeitos colaterais como dor de cabeça e até câncer (pesquisas estão sendo feitas e ainda não foram comprovadas).

Enfim, exitem inúmeras maneiras de adoçarmos a vida através de hábitos saudáveis como, por exemplo, saboreando tudo o que a própria natureza nos oferece, muitas vezes, gratuitamente.

Sentir o real sabor, depender menos do artificial e saborear com ritual os alimentos são práticas que nos tornam menos ansiosos e mais equilibrados!

 

Beijos, Lu!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado